DESTAQUES

kratos real em novo trailer de god of warJÁ OUVIU O NOSSO PODCAST?jason stathan metendo porradatocha humanahomenagem postumaluta mma epicacanhao caseiroblack ops prison breakjacare caganeiraAPP PIRULITO SEM FIOcome comemini rinogorderiablu ray

terça-feira, 27 de março de 2012

O “fan film” de Static Shock


O cancelamento da revista de Static Shock pela DC Comics em janeiro deixou muitos órfãos tristes, como o ator Stefan Dezil, que homenageou o personagem escrevendo, dirigindo e atuando um “fan film” do herói.
Stefan anunciou o lançamento do filme pela Internet para março de 2012 (até o momento, ainda não saiu), mas você já pode conferir um trailer da produção barata (só foram gastos US$5 mil), mas com muito capricho e carinho pelo herói elétrico. Visite o perfil do filme no Facebook para ficar por dentro!
No Brasil, o personagem é mais conhecido pelo nome “Super Choque” graças ao desenho animado que foi produzido pela Warner Bros e que foi exibido por aqui na TV aberta.

segunda-feira, 26 de março de 2012

Mr° Macaco



O PEQUENO ELVIS PRESLEY

William Stokkebroe, de 2 anos, não é uma criança como as outras. Desde tão novo, o pequeno dinamarquês trocou brincadeiras tradicionais por arrojados passos de dança, exibidos em um vídeo na internet. De tão impressionante, a performance do garotinho já atingiu, em uma semana, a marca de 1,5 milhão de visualizações no Youtube.
Segundo o jornal britânico “Metro”, as imagens mostram William se apresentando durante um show de talentos do país nórdico. O fato é que a criança demonstra um dom que poucos adultos tem, e seu rebolado conquista facilmente as pessoas que cercam o “show”. Confira o vídeo logo abaixo:

O ELVIS PINTAVA O CABELO DE PRETO SABIAM?

SOLDADO VOLTA DO AFEGANISTÃO VESTIDO DE CAPITÃO AMERICA

Vestido de Capitão América, militar americano volta do Afeganistão e surpreende filho no aniversário
Servindo no Afeganistão, este militar conseguiu voltar para casa apenas alguns dias depois do aniversário de seu filho mais velho. Mas não voltou de qualquer maneira, e fez uma bela surpresa para o garoto ao se vestir como seu herói favorito. Assista abaixo.
Você pode até ser anti-americano e discordar da política do país, mas esses vídeos de welcome homesão muito bacanas.

sexta-feira, 23 de março de 2012

POSTERS FANTASTICOS DE FILMES QUE NÃO EXISTEM

O francês Pascal Witaszek um cara Criativo, inovador e genial, o sujeito, que entende de design gráfico e manipulação digital como poucos, com certeza traria um sopro de ar fresco para a massificada indústria de posters atual.
Em seu site é possível encontrar magníficos trabalhos criados por ele, inclusive uma série de belíssimos cartazes pensados para produções fictícias. O trabalho photoshopico é extremamente caprichado e nos faz lamentar por estes filmes ainda não existirem. Confira abaixo:
A Torre Eiffel foi construída em 1889 em homenagem ao centenário da Revolução Francesa. Sob a direção de Jean-Pierre Jeunet (“Amelie Poulain”, “Micmacs”) e com Vincent Cassel no papel de Gustave Eiffel (“Irreversível”), criador da gigantesca estrutura, esta história ganharia contornos fantásticos.
Liz Taylor, apesar de nascida na Inglaterra, era considerada um “patrimônio” dos EUA, tendo se tornado realmente um mito, como afirma o poster. Entre as beldades atuais, Wilde (“Cowboys & Aliens”) é a que mais se assemelha com a estrela de “Cleopatra” (1963) e “Quem Matou Virginia Woolf?” (1967) no auge da fama.
Quem já assistiu ao seriado Nip/Tuck (2003-2010) sabe o quanto o jovem ator John Hensley se parece com Michael Jackson (em sua versão white). Neste filme produzido para a TV, ele teria a oportunidade de mostrar o seu talento, interpretando o idolo pop num das fases mais nefastas de sua carreira.
O astro de “Drive” começou sua carreira no Clube do Mickey, então, escolhê-lo para viver o visionário Walt Disney nesta biografia dirigida por Ron Howard (“Uma Mente Brilhante”) seria mais do que justo. Talvez Ryan Gosling finalmente conseguisse sua indicação ao Oscar…
Juntar três idolos dos filmes de ação não deu muito certo em “Os Especialistas”, mas, como diria Raul Seixas, “tente outra vez”. Numa produção de Jerry Bruckheimer, talvez Daniel Craig (“007 Cassino Royale”), Jason Statham (“Carga Explosiva”) e The Rock (“Velozes e Furiosos 5″) tivessem melhor sorte.
A vida e obra de George Romero, considerado o pai dos zumbis, certamente renderia uma obra tão interessante quanto o clássico “A Noite dos Mortos Vivos” (1968). A escolha de Freddy Krueger, ou melhor Robert Englund, para viver o cineasta é tão boa quanto a escalação de Tom Savini para dirigir a biografia.

Atores que morreram de maneiras inusitadas


1673: Molière, o ator e dramaturgo francês, morreu depois de ser tomado por um ataque de tosse violento, quando fazia o papel em sua peça "Le Malade imaginaire" (O hipocondríaco).

1923: Martha Mansfield, uma atriz do cinema americano, morreu após sofrer queimaduras graves no set do filme "The Warrens of Virginia". Um de seus colegas de cena acendeu um cigarro próximo ao figurino de Martha – repleto de babados, camadas e tecidos altamente inflamáveis – fazendo com que a roupa incendiace quase que instantaneamente.

1939: A atriz finlandesa Sari Sirkka morreu ao cair numa chaminé. Ela estava em uma festa do elenco comemorando a conclusão de um filme, quando confundiu uma chaminé com uma varanda e caiu dentro de uma caldeira de aquecimento, morrendo instantaneamente.

O ator era conhecido pelo seu gosto pela bebida. E foi num momento em que aproveitava de seu hábito em um bar na ilha de Malta, local em que foi rodado o filme, que acabou morrendo. Como faltavam apenas três cenas, o diretor Ridley Scott recriou digitalmente o rosto do ator e o colocou no corpo de um dublê.

1973: Bruce Lee, um artista marcial e ator americano, oficialmente teria morrido por uma reação alérgica grave ao analgésico Equagesic (medicamento composto de aspirina e relaxante muscular). O cérebro dele tinha inchado cerca de 13%.
Ela estaria fazendo dois longas ao mesmo tempo: “Operação Dragão” e “Jogo da Morte”.

O ator Humphrey Bogart morreu de câncer de esôfago. A doença foi diagnosticada na época em que ele gravava o filme “A Trágica Farsa” (“The Harder They Fall”), que só pôde ser concluído porque o ator Paul Frees, que também aparece no longa como um pastor, interpretou a personagem de Bogart nas cenas finais.

1982: Vic Morrow, ator, foi decapitado por uma hélice de helicóptero durante as filmagens de Twilight Zone: The Movie. Dois atores mirins, Myca Dinh Le (que foi decapitado) e Renee Shin-Yi Chen (que foi esmagado) também morreram.

1984: Tommy Cooper, o comediante pastelão britânico, morreu de um ataque cardíaco durante o seu show ao vivo na televisão. O público continuou a rir enquanto ele estava caido no palco, pensando que era parte do ato. Seguindo o princípio de que o show deve continuar, seu corpo foi deixado no palco, as cortinas se fecharam, e ao mesmo tempo foram feitas tentativas de reanimá-lo. Os outros atores continuaram o ato.

1984: Jon-Erik Hexum, um ator de televisão norte-americana, morreu depois que atirou na própria cabeça com uma arma durante uma pausa nas filmagens (Cover Up). Ele jogava roleta russa com um revólver carregado com um único cartucho vazio.

1993: o ator Brandon Lee, filho de Bruce Lee, foi baleado e morto por Michael Massee, usando uma pistola de suporte durante as filmagens do filme "O Corvo". A arma não estava em boas condições de uso, sendo usada numa cena de morte. Ninguém da equipe percebeu de imediato, pois achavam que o ator estava atuando na cena.

ESTAMOS CHEGANDO NA ERA DOS JETSONS?

Produzido em 1962 pela Hanna-Barbera, Os Jetsons era uma forma de satirizar os costumes de sua época, os refletindo no século XXI. Exatamente o tempo em que vivemos.

Há alguns exageros, como os carros disco voador, cozinhar ou fazer as mais bucólicas ações do cotidiano simplesmente apertando botõezinhos. Releva-se, do mesmo jeito que sabemos que homens jamais conviveram com dinossauros conforme aparece em Os Flintstones.

1 – TV de Led ou plasma - Febre absoluta no começo dos 60, a televisão (chamada na dublagem brasileira de aparelho televisor), eram uns monstros grandes e pesados. Grande sacada notar que o tubo seria extinto no futuro.

2 – Monitor no desktop - Visto apenas na mesa do chefe, o rico Cosmo S. Spacely, onde constantemente conversa com a austera esposa por vídeo chamadas (Skype?).

Provável que a câmera seja embutida como em muitos computadores em 2011. Nem de leve aparenta ser uma TV da época também.

3 – Vigiar como está seu filho na escola/creche – Serve bastante comum via internet prestado por creches e escolinhas. Ainda só não é possível pegar o filho com uma garra mecânica de lá até em casa.

4 – Manter amizades à distância – O pequeno Elroy tem o hábito de bater-papo até altas horas com um amiguinho que não conhece, morador de Plutônia. Muito parecido à relação pai – filho -MSN, o pai precisa mandar ele várias vezes desligar e ir pra cama.

5 – Aparelhos de comunicação móveis – Ao fundo se vê alguns senhores entretidos em aparelhos similares a TVs portáteis. Mas também podem ser smartphones, distraídos em redes sociais como Twitter, com o mundo todo à volta.

Repare no senhor de chapéu à direita. Estaria lendo notícias num tablet?

quarta-feira, 21 de março de 2012

POKEMONS?

POBRE GATO

SÓ TEM UMA COISA MAIS SACANA QUE ISSO

ISSO

"Um dia, meu filho, você será..."

"Um dia, meu filho, você será..." (o original, em francês, é "Un jour, mon enfant tu seras") da sessão de fotos feita pelo francês Eric Maloberti. A modelo, aliás, é a filha dele, chamada June!

Nesse ensaio, a ideia de Eric é que não sabemos o que nossos filhos serão, logo temos que aceitar os caminhos que os fazem felizes. A família Maloberti vive em Paris. A produção foi feita rapidamente, segundo o fotógrafo, antes que June começasse a reclamar da 

Gente, vejam! É tão... fofo! Tô sem palavras, só vejam as fotos:

segunda-feira, 19 de março de 2012

GAME OF THRONES, OU THRONE OF GAMES?

THE BIG BANG THEORY - RAJ É UM IMPOSTOR!

MARCADOR DE LIVROS "POR QUE EU NÃO PENSEI NISSO?"


Quem diria que um pedaço de plástico dobrado pudesse ser aplicado de uma forma tão genial? Ah, a inventividade humana! Depois de conhecer o Albatros bookmark, fiquei pensando em quantos potenciais marcadores de livros eu joguei fora. A invenção simples e funcional é do designer de produto francês Oscar Lhemite.
O trunfo do marcador é não perder a página se o livro for fechado de repente, como mostra o vídeo. É possível pré-encomendar um conjunto de 6 Albatros por $ 10, e assim participar de uma campanha para viabilizar o lançamento do produto. Se você é empreendedor, bem que podia trazer o Albatros para o Brasil a um precinho acessível, faz favor.

POBRE CACHORRINHO!

VOCÊ FICA ASSIM QUANDO PERDE PRO CHEFÃO?

sexta-feira, 16 de março de 2012

IDENTIDADES SECRETAS

VERDADEIRA TARTARUGA NINJA

SUA MORTE VAI SER LENTA E DOLOROSA

MAIS LENTA

ELE É WIRELESS!!

GAME BOY E 3DS

CURIOSIDADES SOBRE O SUPERMAN

Durante os anos 70, nos Estados Unidos, o Super-Homem participou de várias campanhas de saúde contra a indústria dos cigarros. Fosse em anúncios ou HQs especiais, lá estava o Homem de Aço na luta pra acabar com esse grande mal que assola o mundo.
Uma das ações mais interessantes, porém, foi a série de comerciais para a TV intitulada Superman hates smokers (Super-Homem odeia fumantes), produzida em 1980 pelo Richard Williams Studio.
Nos primeiros anos de existência, o Superman não era tão poderoso quanto é hoje em dia. Sua força era limitada, ele não voava, nem possuía os vários tipos de visão que ele tem atualmente. O herói locomovia-se dando pulos enormes de um lugar para outro, como o Hulk faz. Os principais inimigos do Superman eram os nazistas. Afinal de contas, nada melhor para os americanos da década de 40 do que um cara vestido com a bandeira dos EUA dando um pau no Hitler!
Alguns anos depois, o Superman ganhou poderes fantásticos como ele tem hoje em dia. Com o tempo, porém, esses poderes foram aumentando ainda mais e acabaram se tornando um problemão para os roteiristas. Afinal de contas, como seria possível arranjar inimigos para um cara que poderia parar a rotação da Terra com uma mão? A solução foi encontrada mais tarde, como veremos.
Como maneira de limitar os poderes do Superman, os roteiristas bolaram uma aventura em que o herói perdia 1/3 de seu poder. Em compensação, toda kryptonita da Terra se transformou em ferro.
Entre os poderes do personagem, um é pouco lembrado: a super-memória.
A kriptonita só foi introduzida nas histórias do Superman em 1943, na série radiofônica do personagem.
Steven Spielberg chegou a ser cotado para dirigir o primeiro Superman, mas suas exigências salariais não agradaram o estúdio.
Até o final da década de 40, nos quadrinhos, o Superman não era um herói tão exemplar, chegando às vezes a matar criminosos.
Na melhor fase do Superman, até Lois Lane e Jimmy Olsen tinham as suas próprias revistas!
O Superman e o Homem-Aranha foram os primeiros heróis da Marvel e da DC a protagonizarem um crossover entre as duas editoras. Os vilões escolhidos para o encontro foram Lex Luthor e Dr. Octopus. A história não pode ser incluída como parte da cronologia dos dois personagens, pois não havia explicação alguma de como o Aranha poderia estar no mesmo universo do Superman, ou vice-versa; os dois heróis foram retratados como se já se conhecessem através da imprensa. Houve outro encontro entre o Aracnídeo e o Homem de Aço anos depois.
Metrópolis existe mesmo, só que não é tão grande quanto é retratada nos quadrinhos. Adivinhe quem é a principal celebridade da cidade? Claro, é o Superman, na entrada da cidade existe até uma placa com algo mais ou menos assim escrito: “Metrópolis, a cidade do Superman”.
Comente o que você achou do post , Curta e compartilhe